Tim

O ADUC informa a TIM à Autoridade Antitruste

ADUC, a Associação para os Direitos dos Usuários e Consumidores, relatou a TIM ao Antitruste, considerando incorreta a prática comercial da operadora de telefonia relativa à ativação de todos os recarregáveis ​​do serviço TIM Prime ao custo de 0,49 euros por semana.

Muito provavelmente, a escolha do ADUC foi condicionada pelas inúmeras reclamações recebidas por clientes, nem um pouco satisfeitos com a escolha da TIMe por muitas associações de consumidores.

A ADUC decidiu, portanto, ativar o mesmo procedimento realizado há algum tempo com a tarifa Vodafone Exclusive, argumentando que a ativação da TIM Prime não constitui uma modificação das condições econômicas do plano básico, mas sim um serviço pago adicional não requerido, que sem dúvida viola o art. 65 do Código do Consumidor, isto é, aquele que proíbe a prestação de serviços ativados sem o consentimento do cliente, que deverá então encontrar uma forma de desativá-los.

O serviço TIM Prime é um serviço opcional que, mediante o pagamento de 0,49 euros por semana, dá a possibilidade de realizar chamadas ilimitadas e enviar mensagens de texto ilimitadas para um número TIM; Os clientes recarregáveis ​​da TIM, após terem sido cobrados pelo serviço indesejado, podem, posteriormente, solicitar a ativação de outros “serviços”, incluídos no preço (não gratuitos, como a TIM informa em seu site).

ADUC visa, portanto, que o Antitruste aprove uma medida cautelar para a imediata suspensão dessa prática comercial desleal. O serviço também pode ser interessante para alguns clientes, mas, como todos os serviços pagos, é necessário que este solicite a sua activação e não o gestor que por sua própria vontade decide fazer o utilizador pagar.

Através da